OS MECANISMOS DE PODER NA EDUCAÇÃO DE CORPOS E MENTES: UMA REFLEXÃO À LUZ DAS TEORIAS BOURDIEANAS E FOUCAULTIANAS NA CONTEMPORANEIDADE

Hélio Souza de Cristo

Resumo


O presente trabalho de natureza bibliográfica busca tecer, à luz das teorias de Bourdieu e Foucault, na interlocução com os escritos de outras referências como Louro, Freud e Beauvoir, algumas considerações sobre os processos de fabricação de masculinidades e feminilidades por meio dos discursos e práticas escolares, tendo em vista as discussões que permeiam a relação entre Estado, Sociedade e Educação. Dessa forma, busca-se pensar acerca dos mecanismos de poder presentes nos discursos e práticas escolares que, ao longo dos anos, têm se constituído como instrumentos reguladores das relações sociais entre homens e mulheres, bem como refletir sobre a escola enquanto lugar, por vezes, reprodutivista de concepções de Estado."


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrônico: 2237-0315              ISSN Impresso: 1981-9269

This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil License

Licença Creative Commons