Um estudo das relações raciais em teses dissertações brasileiras no período de 2004 a 2013

Franklin Eduard Auad Thijm, Wilma de Nazaré Baia Coelho

Resumo


Este artigo aborda a produção do conhecimento"sobre Relações Raciais em circulação"nas teses e dissertações dos programas"de pós-graduação em educação brasileiros,"entre os anos de 2004-2013, e procura"compreender, a partir da vigência da Lei no"10.639/03, de que forma o conhecimento"sobre Relações Raciais se constitui nesse"campo. Com esse intuito, foi realizada uma"pesquisa do tipo qualitativa por meio da modalidade"estudo bibliográfico, utilizando-se"o procedimento de coleta online de dados. A"busca das informações se efetivou a partir do"acesso ao sítio da Biblioteca Digital Brasileira"de Teses e Dissertações (BDBTD) no período"mencionado, tendo como suporte o acesso"à home page de cada programa. Os dados"levantados foram interpretados a partir das"teorizações que abordam tanto as questões"sobre relações raciais, como os processos"educacionais, tendo na teoria bourdieusiana"sobre habitus, o principal eixo de discussões,"e na análise de conteúdo, o suporte para o"tratamento das informações. Compreende-se"que as produções acadêmicas não podem ser"descontextualizadas do momento histórico"por que tem passado o país a partir da década"de 1990, principalmente no âmbito da"elaboração da legislação e políticas públicas voltadas às questões raciais. Essas produções"tomam como eixo, no campo da educação,"diferentes propostas, passando pela legislação"e sua efetivação, pela cultura extra"e intraescolar, culminando na organização"do trabalho pedagógico em suas dimensões"políticas, práticas e técnicas. Em todos os casos,"os trabalhos acadêmicos compreendem"ser o momento de questionamentos sobre"o papel dos agentes pedagógicos, tanto no"âmbito escolar, como fora dele, na promoção"de uma educação para as relações raciais"que, de fato, proporcione a conscientização e"problematização sobre o negro na sociedade"contemporânea.

Palavras-chave:"Relações Raciais, Educação e Conhecimento.

"

A study of racial relations in brazilian dissertations and theses from 2004 to 2013

This article discusses the production of knowledge on Race Relations in circulation in theses and dissertations of graduate Brazilian programs in education, between the years of 2004-2013; and seeks to understand, from enactment of Law No. 10.639/03, how knowledge of Race Relations is in this field. With this aim, a qualitative type search through bibliographic study mode has been carried out, using the procedure of collecting data online. The search for information was made effective by accessing to the Brazilian Digital Library of Theses and Dissertations website (BDBTD) the highlighted period, supported by access to the home page of each program. The collected data were interpreted by theorizations concerning both the issues about race relations, and the educational processes, taking on Bourdieusian Theory of habitus, the main focus of discussions, and from the content analysis support for the treatment of information. It is understandable that academic productions cannot be taken out of context of the historical moment through which the country has passed since the 1990, mainly in the context of the preparation of legislation and public policies towards racial issues. These productions are focused on, in the field of education, various proposals, including legislation and its implementation, by extra and interschool culture, culminating in the organization of the pedagogical work in its policies, practices and techniques. In all cases, the academic works are considered to be the moment of questions raised about the role of educational agents, both within school, and outside it, in promoting education for racial relations that, in fact, provide awareness and questioning about the black in contemporary society.

"Keywords: Race relations, education, and knowledge.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrônico: 2237-0315              ISSN Impresso: 1981-9269

This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil License

Licença Creative Commons