Valorização docente na conjuntura do pós impeachement de 2016 no Brasil

Daniela Oliveira Vidal da Silva, Vera Lúcia Fernandes de Brito, Cláudio Pinto Nunes

Resumo


Teacher valorization in the post-impeachement context of 2016 in Brazil

Resumo

Este artigo objetiva apresentar uma análise sobre o atual contexto da valorização docente, no âmbito político e econômico marcado pela conjuntura do pós impeachement no Brasil. O texto focaliza a temática em estudo no contexto político brasileiro a partir de uma análise sociohistórica e crítica dos fatos que influenciam a historicidade do país marcada pela diminuição de investimento nas políticas sociais após o estabelecimento de um novo governo, com a assunção da gestão central do Brasil pelo então vice presidente. Ao destituir do poder um governo mais à esquerda ou centro esquerda, o antigo vice não dá continuidade ao projeto da composição governamental de que ele fazia parte e instaura outro plano de governo, aliado mais à direita ou centro-direita. As novas políticas, assim, passam a se distanciar de uma linha mais progressiva e se aproximam, então, de um projeto de governo de perspectiva mais liberal. Este processo é, assim, caracterizado como um choque na administração pública nos diferentes setores sociais, notadamente, na área de educação e, desse modo, implica mudanças nas políticas e práticas de valorização docente.

Palavras-chave: Educação brasileira. Golpe constitucional. Enfrentamentos.

 

Abstract:

This article aims to present an analysis about the current context of teacher valorization, in the political and economic context marked by the post - impeachement situation in Brazil. The text focuses on the theme under study in the Brazilian political context based on a socio-historical and critical analysis of the facts that influence the historicity of the country marked by the reduction of investment in social policies after the establishment of a new government, with the assumption of management Brazil by the then vice president. By removing a left-wing or left-center government from power, the former deputy does not continue the project of the governmental composition of which he was part and establishes another plan of government, allied right or center-right. The new policies, therefore, begin to distance themselves from a more progressive line and thus approach a more liberal project of government. This process is thus characterized as a clash in public administration in the different social sectors, notably in the area of education and, thus, implies changes in teacher appreciation policies and practices.

Keywords: Brazilian education. Constitutional coup. Confrontations.

             


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrônico: 2237-0315              ISSN Impresso: 1981-9269

This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil License

Licença Creative Commons