O não lugar das vozes literárias da Amazônia na escola

Josebel Akel Fares

Resumo


Este artigo pretende trazer as bases para a discussão sobre o lugar que as literaturas de expressão amazônica, seja oral ou escrita, ocupam no ensino formal. Parte-se do princípio de que o espaço delas é bem pequeno, quase inexistente, devido à ausência de práticas de recepção artística, neste caso, as literárias. Estudiosos da arte reclamam o diminuto espaço do poético nos fóruns de educação. O território artístico é pouquíssimo habitado pelos programas de pós-graduação em educação, pelos cursos de pedagogia. E, em geral, para se pensar a função da arte no espaço escolar ou o ensino da arte como prática educativa, o pesquisador precisa deslocar-se para lugares especiais de discussão. A incompreensão sobre os fundamentos e a importância da matéria na escola é, de certa forma, a responsável por essa situação. Neste artigo não se aborda a questão da arte de forma mais ampla, a intenção é problematizar a questão no aspecto referente às literaturas consideradas das margens, das beiras. O enfoque principal é a chamada literatura brasileira de expressão amazônica.

Palavras-chave: Amazônia. Arte. "Literatura. Escola."

The non-place of literary voices from Amazon at school

This article aims to provide the basis for the discussion on the place that literatures of Amazonic expression, both oral and written, occupy in formal education. It is assumed that their space is very small, almost non-existent, due to the absence of artistic reception practices, in this case, the literary ones. Art scholars claim the small space of poetic in the education forums. The artistic territory is very little inhabited by the graduate programs in education, by Pedagogy undergraduate programs. And, in general, to think about the function of art in the school or the teaching of art as an educational practice, the researcher needs to move to special places of discussion. The misunderstanding about the foundations and the importance of the subject in school is somehow responsible for this situation. In this article, the issue of art is not addressed more broadly, the intention is to discuss it in the aspect relating to the literatures considered as being of the margins, of the borders. The main focus is the so-called Brazilian lietrature of Amazonic expression.

Key-words: Amazon. Art. Literature. School.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrônico: 2237-0315              ISSN Impresso: 1981-9269

This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil License

Licença Creative Commons